Sindicato das Empresas de Rádio e TV do RS | (51) 3231-4260
Com entrada de marcas conhecidas, mercado de redes nacionais fica movimentado em 2023
Quinta, 21 de Dezembro de 2023

Com entrada de marcas conhecidas, mercado de redes nacionais fica movimentado em 2023

Oferta de marcas em rede aumentou em 2023 e deve ampliar a movimentação prevista para 2024 no mercado de rádio

tudoradio.com já destacou a crescente movimentação na oferta de redes estaduais e nacionais disponíveis para radiodifusores em todas as regiões do país. Esse cenário abre espaço para uma série de novidades previstas para o próximo ano, uma vez que muitas negociações para afiliações estão avançadas e podem ser anunciadas nas próximas semanas. Entre essas marcas estão redes tradicionais bem conhecidas do público e rádios famosas que decidiram expandir para outros locais. Acompanhe o panorama:

No último trimestre de 2023, cinco anúncios de intenção de expansão de marcas já conhecidas pelos profissionais de rádio e pelo público final foram feitos. Três delas vêm de São Paulo, como as redes Metropolitana FM, Classic Pan e Energia 97 FM, cada uma em um estágio diferente de atuação. No Rio de Janeiro, as novidades vêm de duas das maiores audiências populares do mercado local: FM O Dia e Rádio Melodia.

Começando pelo Rio, a FM O Dia anunciou seu projeto de expansão nacional, já com novas afiliadas em fase final de implantação. A marca já atuava como rede, com uma operação parceira em Manaus (AM), mas deu novo impulso a esse processo com acordos firmados em Cuiabá (MT), Macaé (RJ) e Três Rios (RJ). Dessas três novas afiliadas, apenas a última ainda não foi ao ar, com a FM O Dia FM 92.9 prevista para iniciar no próximo dia 8.

Rádio Melodia planejou de forma diferente: anunciou ao mercado que seu modelo de rede estava pronto para ser executado, mas não revelou detalhes das praças já engajadas no início de sua expansão. Segundo apurações do tudoradio.com, já existem FMs bem encaminhadas para serem anunciadas pelo projeto, que se posiciona como uma rádio de formato gospel, sem vínculos com denominações religiosas específicas.

Metropolitana FM, de São Paulo, retomou no final de 2023 a sua intenção de atuar como rede nacional. As investigações do tudoradio.com apontam que o projeto de expansão da marca jovem/hits também está com afiliadas em fase final de negociações para serem anunciadas publicamente, o que poderá ocorrer a partir de janeiro. O processo de investimento interno para a rede já foi concluído.

Ganhando força no mercado de São Paulo, a Classic Pan anunciou sua disponibilidade para expansão, aproveitando a expertise do Grupo Jovem Pan, responsável por redes como Jovem Pan FM e Jovem Pan News. A Classic Pan, de formato adulto-contemporâneo, estreou no dial FM paulistano em setembro passado e já busca possíveis parceiros para atuação nacional.

Energia 97 FM de São Paulo optou por usar FMs próprias, como a de São José dos Campos (SP), para anunciar sua estruturação para expansão fora de seus domínios diretos. A marca foi uma das cinco novidades de disponibilidade para expansão no final de 2023.

E as marcas já estabelecidas no mercado?

entrada de novas marcas no mercado não afetou negativamente as que já atuam em rede, pelo contrário, pode ter contribuído para destacar ainda mais essa modalidade de atuação. Isso se evidencia na movimentação desses projetos no 2º semestre deste ano.

Veja o que já entrou no ar ou está anunciado publicamente, com base no critério descrito abaixo:

Panorama de estreias de redes nacionais - 2º semestre de 2023:
Critério: apenas redes com presença em mais de um estado, com FMs implantadas ou confirmadas

Antena 1 -> Antena 1 FM 102.1 de Cachoeiro de Itapemirim (ES)
Band FM -> Band FM 106.1 de Garibaldi (RS), Band FM 89.5 de Cacoal (RO) e Band FM 88.5 de Aripuanã (MT)
BandNews FM -> BandNews FM 101.1 de João Pessoa (PB)
CBN -> CBN FM 97.3 de Santos (SP) e CBN FM 88.3 de Presidente Prudente (SP)
Clube FM -> Clube FM 88.9 de São José do Rio Preto (SP - novo afiliado), Clube FM 102.5 de Mogi Guaçu (SP), Clube FM 88.7 de São Manuel (SP), Clube FM 98.1 de Paraisópolis (MG), Clube FM 92.5 de Ipuã (SP) e Clube FM 90.9 de Pinheiro (MA)
Deus é Amor -> Deus é Amor FM 107.7 de João Pessoa (PB)
EBC -> Rádio Nacional / Ctve FM 90.1 de Foz do Iguaçu (PR)
FM O Dia -> FM O Dia FM 103.7 de Cuiabá (MT), FM O Dia FM 99.7 de Macaé (RJ) e FM O Dia FM 92.9 de Três Rios (RJ)
Jovem Pan FM -> Jovem Pan FM 103.5 de Ipatinga (MG), Jovem Pan FM 95.9 de Itapetininga (SP), Jovem Pan FM 98.7 de Itajubá (MG) e Jovem Pan FM 105.1 de Itararé (SP)
Jovem Pan News -> Jovem Pan News FM 85.3 de Campinas (SP - segunda estação) e Jovem Pan News FM 107.9 de Águas Lindas de Goiás (GO)
Rede Legislativa -> Rádio Câmara FM 102.3 de Joinville (SC), Rádio Câmara FM 90.7 de Pelotas (RS) e Rádio Câmara FM 93.1 de Capelinha (MG)
Massa FM -> Massa FM 107.5 de Ribeirão Preto (SP), Massa FM 105.7 de Foz do Iguaçu (PR), Massa FM 104.1 de Passo Fundo (RS), Massa FM 95.9 de Imperatriz (MA), Massa FM 106.9 de Jaraguá do Sul (SC), Massa FM 95.1 de Presidente Venceslau (SP) e Massa FM 96.5 de Jacarezinho (PR)
Rádio Mix FM - > Rádio Mix FM 107.5 de Fortaleza (CE) e Rádio Mix FM 91.7 de Ribeirão Preto (SP)
Nativa FM -> Nativa FM 101.9 de Ribeirão Preto (SP), Nativa FM 98.5 de Presidente Prudente (SP) e Nativa FM 92.5 de Rondonópolis (MT)
Nossa Rádio -> Nossa Rádio FM 106.9 de São Paulo, Nossa Rádio FM 98.3 de Brasília (DF) e Nossa Rádio FM 102.9 de São Vicente (SP)
Rede Aleluia -> Rede Aleluia FM 93.1 de Joinville (SC) e Rede Aleluia FM 89.7 de Gramado (RS)
RF Rádio Conteúdo / UP FM -> Life FM 97.7 de Campinas (SP), Única FM 101.3 de Araraquara (SP), Alvorada FM 90.7 de Ji-Paraná (RO), Rádio C FM 89.7 de Capanema (PR) e Rádio C FM 91.5 de Santo Antônio do Sudoeste (PR)
Transamérica -> Transamérica FM 99.7 de Balneário Camboriú (SC)

A tendência é rede? O que leva uma estação para uma marca nacional/estadual?

Como já destacou o tudoradio.com em outubro passado, aqui, não cabe fazer julgamento sobre se o modelo de rede é melhor ou pior do que a execução de uma rádio 100% local, já que existem muitas variáveis a serem comparadas. A análise do portal vai se debruçar sobre a crescente oferta de redes de diferentes formatos, algo que não ocorre por acaso: está atendendo a uma demanda existente em todas as regiões do Brasil. E vários fatores têm influenciado esse processo: mais FMs no dial (novas concessões e migrantes originadas na faixa AM), necessidade de otimização de alguns processos, acesso a planos comerciais e promocionais de maior escala/peso e uso de marcas já consolidadas para enfrentar a concorrência já existente nas praças.

O planejamento para um afiliado de rede pode ser diverso: a estação afiliada pode ser o principal negócio de um grupo de comunicação ou de um radiodifusor que conta com apenas uma estação. E, em outros casos, pode ser o "complemento" que faltava para quem já conta com outras FMs locais em seu "cast". Mas também pode ser a oportunidade de explorar um determinado público disponível na praça e que hoje não é atendido pelas outras estações.

O processo de rede pode ocorrer de várias formas: o modelo mais tradicional é o de afiliação, onde o novo parceiro recebe uma programação pronta da matriz e tem direito de uso da marca, mas com obrigações para manutenção do padrão do produto, além de algumas concessões pontuais estabelecidas entre as partes ou no modelo do projeto de rede. Mas é possível considerar redes a implantação de várias bandeiras de rádios locais diferentes por um mesmo grupo de comunicação. No final das contas, todos esses processos são movimentos de união em busca de fortalecimento de marca e busca de escala de consumo, atendendo também vários segmentos do mercado (comercial e ouvintes).

Para os ouvintes e o mercado publicitário, esse processo pode ser benéfico, pois amplia a oferta de produtos de diversos formatos. Nas localidades com maior diversidade de projetos de rádios, o tempo de escuta e o alcance do rádio tendem a ser maiores, conforme indicado recentemente pelo Inside Áudio 2023, da Kantar IBOPE Media.

Fonte: Tudo Rádio
Compartilhe esta notícia:

Sindicato das Empresas de Rádio e TV do RS
Rua Riachuelo, 1098 - Sala 204 - Bairro Centro
CEP: 90.010-270 - Porto Alegre - RS
FONE: (51) 3231-4260
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

ACESSE NOSSAS REDES

SINDIRÁDIO ® TODOS OS DIREITOS RESERVADOS