Sindicato das Empresas de Rádio e TV do RS | (51) 3231-4260
Quarta, 29 de Setembro de 2021

Relatório aponta 'Inovação necessária' para acompanhar a mudança dos hábitos da mídia

Participantes da pesquisa classificaram o rádio local em primeiro lugar em clareza e fatos

O provedor de tecnologia Futuri publicou o resultado de um levantamento detalhado sobre tendências e oportunidades para rádio, televisão e  publicação digital. Com base em uma nova pesquisa com 2 mil americanos, “O Futuro do Público e da Receita” também pesquisou 200 executivos de mídia e conduziu grupos de discussão com 100 consumidores de mídia.

Uma pesquisa mostrou como a pandemia afetou os negócios da mídia nos Estados Unidos. Trabalhando com SmithGeiger, os pesquisadores entrevistaram executivos do setor: 77% disseram que sua empresa perdeu receita de publicidade desde o início da covid-19. Outros 73% disseram ter funcionários trabalhando em casa, 35% disseram que suas responsabilidades mudaram e 44% tiveram demissões ou redução do quadro de funcionários.

Um dado que importa ao meio rádio, aponta que quase 6 em cada 10 entrevistados (57%) disseram que assistiram mais conteúdo de streaming durante os últimos meses, 54% estão usando mais a tecnologia para se conectar com outras pessoas, 51% estão assistindo mais televisão, 48% estão usando mais mídia social, e 30% estão ouvindo mais rádio AM / FM local.

O estudo constatou que a confiança está diminuindo em grandes instituições, como as grandes redes de TV. Nenhuma delas conquistou a confiança de mais da metade dos entrevistados. Por outro lado, os participantes da pesquisa classificaram o rádio local em primeiro lugar em clareza e fatos (45%) entre uma seleção de marcas de áudio e impressão (incluindo impressão digital). 

As marcas de jornais locais ficaram em segundo lugar, com 44%. E a transmissão de rádio continua sendo a principal fonte de notícias relacionadas à pandemia para a maioria (65%) dos americanos em famílias com renda superior a US $100 mil dólares.

O estudo também descobriu que as pessoas estão usando a mídia cada vez mais como meio de consolo ou escapismo da incerteza do mundo de hoje. Entre as conclusões que Futuri tira do estudo é que a percepção da mídia está mudando à medida que as definições convencionais se confundem.

A pesquisa

O levantamento foi conduzido no final da primavera até meados do verão de 2021 nos Estados Unidos. A Smith Geiger conduziu 2.000 entrevistas em todo o país com usuários de mídia de 16 a 74 anos e quase 200 entrevistas com executivos de TV, rádio e editoras digitais nos Estados Unidos.

“Os resultados indicam claramente que a inovação fundamental é necessária para acompanhar a evolução de como os americanos consomem mídia na era moderna”, diz o relatório. O Futuri fornece tecnologia de vendas e engajamento do público com base em IA para estações de rádio. A Smith Geiger oferece serviços de pesquisa e consultoria para empresas em uma ampla gama de setores.

Com informações do portal Inside Radio

Fonte: Tudo Rádio
Compartilhe esta notícia:

Sindicato das Empresas de Rádio e TV do RS
Rua Riachuelo, 1098 - Sala 204 - Bairro Centro
CEP: 90.010-270 - Porto Alegre - RS
FONE: (51) 3231-4260
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

ACESSE NOSSAS REDES

SINDIRÁDIO ® TODOS OS DIREITOS RESERVADOS