Sindicato das Empresas de Rádio e TV do RS | (51) 3231-4260
Fenaert manifesta repúdio sobre agressões contra jornalistas durante ato em favor do presidente Jair Bolsonaro
Terça, 19 de Mai de 2020

Fenaert manifesta repúdio sobre agressões contra jornalistas durante ato em favor do presidente Jair Bolsonaro

Repórter da BandNews foi atingida por uma bandeirada desferida por manifestante

A Federação Nacional das Empresas de Rádio e Televisão (Fenaert) manifestou repúdio em decorrência das novas agressões contra jornalistas em meio a cobertura em ato a favor do presidente Jair Bolsonaro, ocorrido no último domingo (17), em Brasília. Na ocasião, populares presentes voltaram a atacar verbalmente profissionais de imprensa e uma jornalista foi atingida na cabeça por uma bandeira do Brasil.

Em nota emitida nesta segunda-feira (18), a Fenaert repudiou as novas agressões contra jornalistas que cobriam o ato a favor do presidente Jair Bolsonaro, ocorrido no último domingo no Palácio do Planalto, em Brasília. A jornalista Clarissa Oliveira foi atingida na cabeça por uma bandeira do Brasil, carregada por uma das manifestantes. Além disso, os populares presentes no ato voltaram a atacar verbalmente os profissionais de imprensa que realizam seus trabalhos.

Recentemente a entidade já havia emitido nota com relação a outro caso envolvendo os profissionais de imprensa. No dia 3 deste mês jornalistas e fotógrafos que cobriam as manifestações favoráveis ao presidente Jair Bolsonaro voltaram a sofrer ataques durante cobertura na Esplanada dos Ministérios, em Brasília.

Fenaert repudia violência contra jornalista durante ato pró-governo

Neste domingo (17), durante cobertura no Palácio do Planalto, em manifestações de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro, a jornalista Clarissa Oliveira foi atingida na cabeça por uma bandeira do Brasil, carregada por uma das manifestantes. Além disso, os populares presentes no ato voltaram a atacar verbalmente os profissionais de imprensa que realizam seus trabalhos.

A Fenaert lamenta profundamente os ataques, repudiando toda e qualquer atitude que prejudique a coleta e apuração de informações relevantes e de interesse público. Reitera também o compromisso com a segurança e integridade dos profissionais de imprensa, que desempenham papel fundamental durante a cobertura da pandemia mundial de Coronavírus e seus desdobramentos políticos, econômicos e sociais.

Nota emitida pela Fenaert - Federação Nacional das Empresas de Rádio e Televisão

Fonte: Tudo Rádio
Compartilhe esta notícia:

Sindicato das Empresas de Rádio e TV do RS
Av. Getúlio Vargas, 774 - CJ 604 - Bairro Menino Deus
CEP: 90.150-002 - Porto Alegre - RS
FONE: (51) 3231-4260

ACESSE NOSSAS REDES

SINDIRÁDIO ® TODOS OS DIREITOS RESERVADOS