NOTÍCIAS   PÁGINA INICIAL
09/01/18
RÁDIO FM COMPLETOU 78 ANOS EM OPERAÇÃO NOS ESTADOS UNIDOS
Primeira demonstração do espectro ocorreu no dia 5 de janeiro de 1940

 

O espectro FM completou 78 anos em operação na semana passada. A primeira demonstração do espectro ocorreu nos Estados Unidos, no dia 5 de janeiro de 1940, 53 anos após a descoberta das ondas de rádio, por Heinrich Rudolf Hertz. Apesar disso, o rádio FM já havia sido descoberto muito antes, em 1933, quando foi feita a primeira demonstração experimental do sistema, pelo americano Edwin Armstrong.
Vale ressalvar que em 1922, o Rádio já era conhecido. Neste ano no Brasil, acontecia a primeira transmissão radiofônica oficial no país, com a fundação da primeira emissora de rádio reconhecidamente oficial do país, a Rádio Sociedade do Rio de Janeiro, por Roquette Pinto e Henrique Morize, que operava em Ondas Médias.
  
 Antes da Rádio Sociedade, ainda em 6 de abril de 1919, a Rádio Clube AM 720 do Recife realizava sua primeira transmissão radiofônica a partir de um estúdio improvisado na Ponte d'Uchoa, na capital pernambucana, tendo à frente o radiotelegrafista Antônio Joaquim Perei. Idealizada, construída, operada e direcionada para um grupo elitista, a emissora não teve muita repercussão, por não existirem receptores nas residências àquela época. 
  
 A partir de 1940, o rádio FM se consolidou e criou um padrão de programação que se mantém até hoje. Além do alcance do sinal, a principal diferença do rádio que opera em FM - Frequência Modulada para o que opera em AM – Modulação em Amplitude, está relacionada à interferência à qual está sujeita a emissora AM, um dos motivos que levou o Brasil a um processo de migração que se estende desde 2013. 
  
 A expectativa do setor de radiodifusão é que, com a migração, as rádios AM recuperem a audiência, que foi prejudicada justamente por causa da interferência de sinal e, também, porque não podem ser sintonizadas por dispositivos móveis. O processo de migração segue avançando pelo país. 
Um mapeamento da migração AM-FM realizado pelo tudoradio.com superou a marca de 300 emissoras vindas da faixa AM e que já estão ativas no dial FM. Além disso, existe a expectativa do anúncio da abertura de prazo para que as AMs que não participaram do primeiro processo, tenham a oportunidade de realizar a adaptação de suas outorgas para o FM.

O espectro FM completou 78 anos em operação na semana passada. A primeira demonstração do espectro ocorreu nos Estados Unidos, no dia 5 de janeiro de 1940, 53 anos após a descoberta das ondas de rádio, por Heinrich Rudolf Hertz. Apesar disso, o rádio FM já havia sido descoberto muito antes, em 1933, quando foi feita a primeira demonstração experimental do sistema, pelo americano Edwin Armstrong.

 

Vale ressalvar que em 1922, o Rádio já era conhecido. Neste ano no Brasil, acontecia a primeira transmissão radiofônica oficial no país, com a fundação da primeira emissora de rádio reconhecidamente oficial do país, a Rádio Sociedade do Rio de Janeiro, por Roquette Pinto e Henrique Morize, que operava em Ondas Médias.

 

 Antes da Rádio Sociedade, ainda em 6 de abril de 1919, a Rádio Clube AM 720 do Recife realizava sua primeira transmissão radiofônica a partir de um estúdio improvisado na Ponte d'Uchoa, na capital pernambucana, tendo à frente o radiotelegrafista Antônio Joaquim Perei. Idealizada, construída, operada e direcionada para um grupo elitista, a emissora não teve muita repercussão, por não existirem receptores nas residências àquela época. 

 

 A partir de 1940, o rádio FM se consolidou e criou um padrão de programação que se mantém até hoje. Além do alcance do sinal, a principal diferença do rádio que opera em FM - Frequência Modulada para o que opera em AM – Modulação em Amplitude, está relacionada à interferência à qual está sujeita a emissora AM, um dos motivos que levou o Brasil a um processo de migração que se estende desde 2013. 

 

 A expectativa do setor de radiodifusão é que, com a migração, as rádios AM recuperem a audiência, que foi prejudicada justamente por causa da interferência de sinal e, também, porque não podem ser sintonizadas por dispositivos móveis. O processo de migração segue avançando pelo país. 

 

Um mapeamento da migração AM-FM realizado pelo tudoradio.com superou a marca de 300 emissoras vindas da faixa AM e que já estão ativas no dial FM. Além disso, existe a expectativa do anúncio da abertura de prazo para que as AMs que não participaram do primeiro processo, tenham a oportunidade de realizar a adaptação de suas outorgas para o FM.

 



Fonte: TUDO RÁDIO
 
   
Sindicato das Empresas de Rádio e Televisão no Estado do Rio Grande do Sul
Av. Getúlio Vargas, 774 - cj 604 - Bairro Menino Deus
CEP: 90.150-002 - Porto Alegre - RS - Fone: (51) 3231-4260
 
Sindiradio ® Todos os direitos reservados