NOTÍCIAS   PÁGINA INICIAL
28/11/17
SINAL ANALÓGICO DE TV COMEÇA A SER DESLIGADO NESTA QUARTA-FEIRA EM 113 CIDADES DO INTERIOR DE SP
Gired se reuniu nesta terça-feira (28) para discutir desligamento do sinal analógico no interior de SP

 

O sinal analógico de televisão começa a ser desligado nesta quarta-feira (29) em três regiões do interior de São Paulo: Campinas e mais 84 cidades; Santos e outros oito municípios; além de 19 cidades do Vale do Paraíba. Nesses grupos, o desligamento será progressivo. Em Santos, será concluído em 20 de dezembro, enquanto que as regiões de Campinas e do Vale do Paraíba terão as transmissões analógicas encerradas em 17de janeiro de 2018. Em outros dois agrupamentos - Franca e mais 24 municípios; e Ribeirão Preto e mais 19 cidades - o desligamento será feito a partir de 31 de janeiro de 2018.
A decisão foi tomada pelo Gired, grupo responsável pela implantação da TV digital no Brasil, durante reunião nesta terça-feira (28). As pesquisas Ibope realizadas nos agrupamentos de cidades entre os dias 13 e 25 de novembro apontaram os seguintes índices de digitalização das residências: 89% em Santos; 88% em Campinas; 88% no Vale do Paraíba; 84% em Ribeirão Preto; e 80% em Franca. Isso significa que nenhuma das cinco regiões do estado de São Paulo conseguiu atingir o percentual mínimo de 90% dos domicílios preparados para receber o sinal digital. O índice é condição para encerramento das transmissões analógicas de TV, conforme estabelece portaria do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).
Diante dos resultados, o Gired decidiu encaminhar ao MCTIC a sugestão de realizar o desligamento de forma progressiva nos agrupamentos de Santos, Campinas e Vale do Paraíba, que reúnem uma população de cerca de 12 milhões de pessoas. Já as regiões de Franca e Ribeirão Preto, juntas, somam cerca de 2 milhões de habitantes. Um novo levantamento será realizado nesses dois agrupamentos antes do desligamento.
O Gired também decidiu que uma cartela informativa será exibida pelas emissoras de TV informando sobre o início e a data final do desligamento do sinal analógico de TV.
Kits
A distribuição de kits de conversores digitais para as famílias beneficiárias de programas sociais do governo federal também continua nas cidades do interior de São Paulo. Do total previsto, já foram entregues 76% dos kits em Campinas, 70% em Santos, 72% no Vale do Paraíba, 74% em Ribeirão Preto e 88% em Franca.
A implantação do Sistema Brasileiro de TV Digital foi concluída em 193 municípios e beneficia uma população de cerca de 60 milhões de pessoas. Desde o início do processo, o sinal analógico já foi desligado em Rio Verde (GO); Brasília e 9 cidades do entorno do Distrito Federal; São Paulo e 38 cidades do estado; Goiânia e mais 28 municípios de Goiás; Recife e outras 13 cidades de Pernambuco; Salvador e mais 19 cidades da Bahia; Fortaleza e outras 14 cidades do Ceará; Vitória e mais seis cidades do Espírito Santo; a capital do Rio de Janeiro e 18 municípios do entorno; além de Belo Horizonte e outras 38 cidades de Minas Gerais.
 
Veja a relação de cidades que fazem parte dos agrupamentos no interior de São Paulo:
Agrupamento de Santos
Bertioga, Cubatão, Guarujá, Itanhaém, Mongaguá, Peruíbe, Praia Grande, Santos e São Vicente.
Agrupamento de Campinas:
Aguaí, Águas da Prata, Águas de São Pedro, Alumínio, Americana, Amparo, Araçariguama, Araçoiaba da Serra, Araras, Artur Nogueira, Boituva, Cabreúva, Campinas, Campo Limpo Paulista, Capela do Alto, Capivari, Cerquilho, Charqueada, Conchal, Cordeirópolis, Cosmópolis, Elias Fausto, Engenheiro Coelho, Espírito Santo do Pinhal, Estiva Gerbi, Holambra, Hortolândia, Indaiatuba, Iperó, Ipeúna, Iracemápolis, Itapira, Itatiba, Itobi, Itu, Itupeva, Jaguariúna, Jarinu, Jumirim, Jundiaí, Leme, Limeira, Louveira, Mairinque, Mogi Guaçu, Mogi Mirim, Mombuca, Monte Mor, Nova Odessa, Paulínia, Pedreira, Piedade, Piracicaba, Pirassununga, Porto Feliz, Porto Ferreira, Rafard, Rio Claro, Rio das Pedras, Saltinho, Salto, Salto de Pirapora, Santa Bárbara D'Oeste, Santa Cruz da Conceição, Santa Gertrudes, Santa Maria da Serra, Santa Rita do Passa Quatro, Santo Antônio de Posse, São João da Boa Vista, São Pedro, São Roque, Serra Negra, Socorro, Sorocaba, Sumaré, Tambaú, Tapiraí, Tatuí, Tietê, Torrinha, Valinhos, Vargem Grande do Sul, Várzea Paulista, Vinhedo e Votorantim.
Agrupamento do Vale do Paraíba
Aparecida, Atibaia, Bragança Paulista, Caçapava, Cachoeira Paulista, Campos do Jordão, Canas, Cruzeiro, Guaratinguetá, Igaratá, Jacareí, Lorena, Pindamonhangaba, Piquete, Potim, Roseira, São José dos Campos, Taubaté e Tremembé.
Agrupamento de Franca
Aramina, Barretos, Batatais, Buritizal, Colina, Colômbia, Cristais Paulista, Franca, Guaíra, Guará, Igarapava, Ipuã, Itirapuã, Ituverava, Jaborandi, Jeriquara, Miguelópolis, Nuporanga, Patrocínio Paulista, Pedregulho, Restinga, Ribeirão Corrente, Rifaina, São Joaquim da Barra e São José da Bela Vista.
Agrupamento de Ribeirão Preto
Altinópolis, Barrinha, Brodowski, Cravinhos, Jaboticabal, Jardinópolis, Luís Antônio, Morro Agudo, Orlândia, Pitangueiras, Pontal, Ribeirão Preto, Sales Oliveira, Santa Cruz da Esperança, Santo Antônio da Alegria, São Simão, Serra Azul, Serrana, Sertãozinho e Taquaral.

O sinal analógico de televisão começa a ser desligado nesta quarta-feira (29) em três regiões do interior de São Paulo: Campinas e mais 84 cidades; Santos e outros oito municípios; além de 19 cidades do Vale do Paraíba. Nesses grupos, o desligamento será progressivo. Em Santos, será concluído em 20 de dezembro, enquanto que as regiões de Campinas e do Vale do Paraíba terão as transmissões analógicas encerradas em 17de janeiro de 2018. Em outros dois agrupamentos - Franca e mais 24 municípios; e Ribeirão Preto e mais 19 cidades - o desligamento será feito a partir de 31 de janeiro de 2018.

A decisão foi tomada pelo Gired, grupo responsável pela implantação da TV digital no Brasil, durante reunião nesta terça-feira (28). As pesquisas Ibope realizadas nos agrupamentos de cidades entre os dias 13 e 25 de novembro apontaram os seguintes índices de digitalização das residências: 89% em Santos; 88% em Campinas; 88% no Vale do Paraíba; 84% em Ribeirão Preto; e 80% em Franca. Isso significa que nenhuma das cinco regiões do estado de São Paulo conseguiu atingir o percentual mínimo de 90% dos domicílios preparados para receber o sinal digital. O índice é condição para encerramento das transmissões analógicas de TV, conforme estabelece portaria do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).

Diante dos resultados, o Gired decidiu encaminhar ao MCTIC a sugestão de realizar o desligamento de forma progressiva nos agrupamentos de Santos, Campinas e Vale do Paraíba, que reúnem uma população de cerca de 12 milhões de pessoas. Já as regiões de Franca e Ribeirão Preto, juntas, somam cerca de 2 milhões de habitantes. Um novo levantamento será realizado nesses dois agrupamentos antes do desligamento.

O Gired também decidiu que uma cartela informativa será exibida pelas emissoras de TV informando sobre o início e a data final do desligamento do sinal analógico de TV.

Kits

A distribuição de kits de conversores digitais para as famílias beneficiárias de programas sociais do governo federal também continua nas cidades do interior de São Paulo. Do total previsto, já foram entregues 76% dos kits em Campinas, 70% em Santos, 72% no Vale do Paraíba, 74% em Ribeirão Preto e 88% em Franca.

A implantação do Sistema Brasileiro de TV Digital foi concluída em 193 municípios e beneficia uma população de cerca de 60 milhões de pessoas. Desde o início do processo, o sinal analógico já foi desligado em Rio Verde (GO); Brasília e 9 cidades do entorno do Distrito Federal; São Paulo e 38 cidades do estado; Goiânia e mais 28 municípios de Goiás; Recife e outras 13 cidades de Pernambuco; Salvador e mais 19 cidades da Bahia; Fortaleza e outras 14 cidades do Ceará; Vitória e mais seis cidades do Espírito Santo; a capital do Rio de Janeiro e 18 municípios do entorno; além de Belo Horizonte e outras 38 cidades de Minas Gerais.

 

Veja a relação de cidades que fazem parte dos agrupamentos no interior de São Paulo:

Agrupamento de Santos

Bertioga, Cubatão, Guarujá, Itanhaém, Mongaguá, Peruíbe, Praia Grande, Santos e São Vicente.

Agrupamento de Campinas:

Aguaí, Águas da Prata, Águas de São Pedro, Alumínio, Americana, Amparo, Araçariguama, Araçoiaba da Serra, Araras, Artur Nogueira, Boituva, Cabreúva, Campinas, Campo Limpo Paulista, Capela do Alto, Capivari, Cerquilho, Charqueada, Conchal, Cordeirópolis, Cosmópolis, Elias Fausto, Engenheiro Coelho, Espírito Santo do Pinhal, Estiva Gerbi, Holambra, Hortolândia, Indaiatuba, Iperó, Ipeúna, Iracemápolis, Itapira, Itatiba, Itobi, Itu, Itupeva, Jaguariúna, Jarinu, Jumirim, Jundiaí, Leme, Limeira, Louveira, Mairinque, Mogi Guaçu, Mogi Mirim, Mombuca, Monte Mor, Nova Odessa, Paulínia, Pedreira, Piedade, Piracicaba, Pirassununga, Porto Feliz, Porto Ferreira, Rafard, Rio Claro, Rio das Pedras, Saltinho, Salto, Salto de Pirapora, Santa Bárbara D'Oeste, Santa Cruz da Conceição, Santa Gertrudes, Santa Maria da Serra, Santa Rita do Passa Quatro, Santo Antônio de Posse, São João da Boa Vista, São Pedro, São Roque, Serra Negra, Socorro, Sorocaba, Sumaré, Tambaú, Tapiraí, Tatuí, Tietê, Torrinha, Valinhos, Vargem Grande do Sul, Várzea Paulista, Vinhedo e Votorantim.

Agrupamento do Vale do Paraíba

Aparecida, Atibaia, Bragança Paulista, Caçapava, Cachoeira Paulista, Campos do Jordão, Canas, Cruzeiro, Guaratinguetá, Igaratá, Jacareí, Lorena, Pindamonhangaba, Piquete, Potim, Roseira, São José dos Campos, Taubaté e Tremembé.

Agrupamento de Franca

Aramina, Barretos, Batatais, Buritizal, Colina, Colômbia, Cristais Paulista, Franca, Guaíra, Guará, Igarapava, Ipuã, Itirapuã, Ituverava, Jaborandi, Jeriquara, Miguelópolis, Nuporanga, Patrocínio Paulista, Pedregulho, Restinga, Ribeirão Corrente, Rifaina, São Joaquim da Barra e São José da Bela Vista.

Agrupamento de Ribeirão Preto

Altinópolis, Barrinha, Brodowski, Cravinhos, Jaboticabal, Jardinópolis, Luís Antônio, Morro Agudo, Orlândia, Pitangueiras, Pontal, Ribeirão Preto, Sales Oliveira, Santa Cruz da Esperança, Santo Antônio da Alegria, São Simão, Serra Azul, Serrana, Sertãozinho e Taquaral.

 

 



Fonte: MCTIC
 
   
Sindicato das Empresas de Rádio e Televisão no Estado do Rio Grande do Sul
Av. Getúlio Vargas, 774 - cj 604 - Bairro Menino Deus
CEP: 90.150-002 - Porto Alegre - RS - Fone: (51) 3231-4260
 
Sindiradio ® Todos os direitos reservados